NHOQUE DE ABÓBORA COM

MOLHO BRANCO DE GRÃO DE BICO

INGREDIENTES:

Rendimento: 4 pessoas

Nhoque:

  • 4 xícaras de purê de abóbora Cabotiá (é o que rende uma abóbora Cabotiá média no forno, veja as instruções em modo de preparo)

  • 1 xícara de fécula de batata ou de polvilho doce

  • 1  xícara de amido de milho

  • 2 colheres de chá de sal

Molho branco:

  • 1 e ½ xícara de grão de bico cozido

  • 1 cebola

  • 3 dentes de alho

  • 1 colher de sopa de azeite

  • 1 xícara de leite vegeta

  • ½ colher de chá de sal

  • 1 colher de sopa de levedura nutricional

  • 1 pitada de noz moscada

  • 1 pitada de pimenta do reino

Dica da Luisa:

  • Se não tiver abóbora Cabotiá na sua feira, pergunte ao feirante qual abóbora da banca tem menos água e faça com ela. Vai dar certo!

  • Essa é uma receita sem glúten, caso você opte por fazer com farinha de trigo, é só substituir a quantidade total da fécula e amido pela farinha. Nesse caso, recomendo o uso da farinha branca, caso queira usar na integral, siga a proporção de 30% integral para 70% de farinha branca para não pesar a massa

  • Se puder, use sempre tudo orgânico, pela sua saúde, pela do planeta, pela saúde de quem trabalha e vive no campo. No caso do amido de milho, acho especialmente importante que seja orgânico, não só pelos motivos acima, mas também porque o milho é uma das sementes que mais foram modificadas (alimento transgênico) pelo cultivo de monoculturas

  • Se você não tiver levedura nutricional para o molho, tudo bem! Ela dá um gostinho de queijo interessante, mas não é fundamental

  • Na hora de cozinhar o nhoque, tempere a água com azeite, sal e algum temperinho da sua preferência para dar seu toque especial. Eu gosto de colocar orégano e páprica

  • Reaproveitamento das sementes da abóbora: separe elas da polpa deixando de molho na água e seque com pano de prato ou papel toalha. Leve para o forno em uma assadeira com azeite e um pouco de sal até ficarem douradas e crocantes. É um ótimo petisco, além de ser uma boa opção para incrementar as saladas e sopas

  • Reaproveitamento da casca da abóbora: corte a casca em pedaços menores e leve para assar novamente no forno com alecrim, azeite e sal até ficarem crocantes

MODO DE PREPARO:

  • Preaqueça o forno a 200 ºC e unte uma assadeira com azeite.

  • Lave a cebola, os dentes de alho e a abóbora, tudo com as cascas. Use uma escovinha para limpar bem

  • Corte a cebola ao meio, e transfira para a assadeira untada, com a parte branca em contato com a assadeira e a casca virada para cima. Junte os 3 dentes de alho na assadeira, também com a casca

  • Corte a abóbora ao meio, retire as sementes com uma colher (veja em dicas da Luisa como reaproveitar) e transfira para a mesma assadeira da cebola e do alho, com a casca virada para cima

  • Leve a assadeira ao forno por 40 minutos, ou até a abóbora e o alho amolecerem bem e a cebola ficar caramelizada. Para ter certeza que está bem assado, espete com um garfo, se entrar sem resistência, está no ponto! 

  • Para fazer o nhoque, retire a abóbora assada da casca com uma colher, esse é o purê que você precisa (veja em dicas da Luisa como reaproveitar a casca da abóbora)

  • Misture o purê de abóbora com a fécula de batata e o amido de milho primeiro com uma colher tipo pão duro, depois com as mãos, até obter uma mistura homogênea e que solte da mão

  • Jogue um pouco de fécula de batata na superfície em que for enrolar o nhoque para que a massa não grude. Faça isso sempre que for necessário

  • De punhado em punhado, vá esticando a massa com os dedos, fazendo “minhocas”

  • Feitas todas as “minhocas”, é hora de cortar com a massa com a faca do tamanho que você desejar e levar para cozinhar em uma panela com água fervendo. Quando o nhoque boiar na água está pronto, retire da panela com uma escumadeira e sirva com o molho branco de grão de bico, ou com outro molho de sua preferência.

DICA DE CONSUMO:

  • Quando a massa é boa, ela nem precisa de molho! Esse nhoque pode ser servido só com um bom azeite e ervinhas frescas como manjericão, tomilho ou sálvia

  • Com ou sem molho, sementes tostadas ou gergelim (sésamo) tostado acrescentam textura e sabor ao prato

  • Com o Parmejú por cima fica uma delícia, tem receitinha dele aqui

CONSERVAÇÃO:

 

  • Consumo imediato para a massa ser saboreada em todo seu frescor e não perder a textura

Se cadastre na minha newsletter e receba receitas e informações sobre alimentação vegana quinzenalmente

  • YouTube
  • Pinterest
  • Instagram
  • Facebook Luisa Mafei

©2019 by Luisa Mafei Cozinha Afetiva